Recolha Seletiva

 

Recolha de resíduos colocados nos ecopontos e ecocentros, separados por tipologia, permitindo a sua reciclagem e evitando a sua deposição em aterro sanitário. Desta forma é possível prolongar o ciclo de vida dos resíduos. Este processo tem início com a separação doméstica dos diferentes tipos de resíduos feita pelos cidadãos. Sem a cooperação de todos nós, a recolha seletiva seria impossível. É da responsabilidade de cada cidadão promover uma correta deposição seletiva dos seus resíduos nos ecopontos. E ainda podemos fazer muito melhor, uma vez que, a maioria dos resíduos por nós produzidos é passível de recolha seletiva.

Vantagens:

  • Economia de Energia;
  • Reduzir a quantidade de resíduos depositados em aterro sanitário;
  • Economia de matérias-primas e protecção de recursos naturais;
  • Redução da poluição do ar, solo e água.

Tempo de degradação de alguns resíduos:

tempo


Como é possível verificar, o tempo de degradação de alguns resíduos é muito elevado, a sua deposição em aterro sanitário é o maior erro que podemos cometer. A recolha seletiva é sem sombra de dúvida o melhor destino, contribuindo para um desenvolvimento sustentável dos nossos ecossistemas e sua biodiversidade.

Ecopontos:

Conjunto de contentores, destinados à recolha seletiva de papel, cartão, embalagens de plástico e metal, vidro e pilhas. Cada contentor é associado a uma cor que permite identificar o tipo de resíduos a depositar:

O que depositar em cada ecoponto:

PAPEL / CARTÃO VIDRO PLÁSTICO E METAL
- Embalagens de Cartão
- Sacos de Papel
- Papel de embrulho
- Jornais e revistas
- Papel de Escrita
- Embalagens de vidro
- Garrafas
- Garrafões
- Frascos
- Boiões
- Garrafas, garrafões e frascos de plástico
- Pacotes de sumo e leite
- Sacos de plástico
- Latas de bebida e conserva
- Aerossóis vazios
- Embalagens de plástico variadas


recolha_selectiva

 

Ecocentro:

Locais amplos e vigiados, onde estão instalados contentores de grandes dimensões, destinados à deposição de resíduos para reciclagem. São usados para a deposição de entulhos, restos de madeira, resíduos de jardinagem, papel e cartão, materiais ferrosos, plásticos ou ainda eletrodomésticos antigos e móveis. Os ecocentros são especialmente úteis para os consumidores que necessitem de se desfazer de resíduos de grande volume.

 

 

 

 

Estação de Triagem:

Local para onde são transportados os resíduos depois de recolhidos nos Ecopontos e Ecocentros onde foram depositados. É aqui que é efetuada uma seleção mais rigorosa por tipologia, através de processos mecânicos e manuais, de forma a permitir o encaminhamento para as empresas recicladoras.

Os materiais depositados no ecoponto que não são passíveis de valorização, são encaminhados para deposição no aterro sanitário.

 
<<  Outubro 2017  >>
 Seg  Ter  Qua  Qui  Sex  Sáb  Dom 
        1
  2  3  4  5  6  7  8
  9101112131415
16171819202122
2324262829
3031